O que fazer primeiro? O urgente ou o importante?

Hoje falaremos sobre o Hábito 3 – Primeiro o Mais Importante.

Mas antes, você já conhece o hábito 1 e 2? Caso ainda não tenha lido, aconselho a começar pelo primeiro hábito para ter os principais princípios para conseguir dar continuidade a esse e aos próximos hábitos. Então saiba como se tornar proativo, leia aqui.

Caso já tenha lido o primeiro, mas por algum motivo não leio o hábito 2, então clique aqui e saiba como começar com o objetivo em mente. Dessa forma, com os dois hábitos bem claros, você poderá dar sequência a esse hábito que falaremos agora. Primeiro você deve começar com o objetivo em mente e depois definir primeiro o mais importante

Com os dois primeiros hábitos em dia, agora podemos dar sequência ao Hábito 3.

Nesse terceiro hábito, focaremos em prioridade, planejamento e execução de suas tarefas semanais baseando-se mais na importância do que na urgência. O primeiro passo é avaliar se seus esforços exemplificam seus valores pessoais desejados, impulsionam-no em direção às metas e enriquecem suas atitudes e relacionamentos elaborados no Hábito 2.

Você já sabe onde quer chegar, já refletiu bastante sobre o assunto

Agora trace o caminho necessário para atingir o objetivo. Eu sei, todos nós já temos em mente um caminho pré-determinado para alcançarmos o nosso objetivo, mas na prática as coisas costumam não ser tão simples assim. Até porque a prática é diferente da teoria pois existem alguns desvios. Esses desvios têm características bem específicas e são realmente tentadores. Esses desvios podemos chamar de:

  • Amigos que te chamam para tomar aquela breja no final do expediente bem na hora que você ia para cada dar continuidade naquele curso online;
  • Aquelas notificações acumuladas no celular que impedem sua concentração;
  • Ou até mesmo aquele resfriado surpresa que te deixa com menos disposição para manter o treino em dia.

Isso não acontece só com você, eu juro, mas você é o principal responsável por isso. Sabemos o quão satisfatório é realizar tarefas de curto prazo, por exemplo, você sair com os amigos para beber uma gelada e pronto, você atingiu o seu objetivo naquele instante.

Isso acontece porque é muito mais satisfatório realizar algumas tarefas a curto prazo do que focar em objetivos de longo prazo. Até porque não somos fieis aos nossos compromissos de longo prazo.

Qual seria o seu objetivo hoje? E o que prometeu no começo do ano?

A tendência é sempre escolher o que dá prazer momentaneamente e esquecemos aquelas metas que prometemos no começo do ano, isso acaba gerando uma frustação por não ter conseguido realizar o que planejou para o final do ano.

Existem dois lados, o que podemos deixar de aproveitar algum momento para poder se beneficiar muito mais no futuro. Ou aquele lado que não enxergamos a longo prazo, somente enxergamos a satisfação dos seus próprios desejos momentaneamente. Não se interessa por entregar nada antes do prazo, nem para aprender algo novo, cuidar da saúde ou guardar dinheiro para futuros imprevistos. Esse lado é o AGORA, que pode te atrapalhar em tudo, mas se preocupa apenas no momento atual sem pensar nas consequências futuras.

Todos nós temos esses dois lados, só não podemos deixar o lado “preguiça” ser mais forte do que o lado “sábio”. A boa notícia é que podemos enfraquecer esse lado “bicho preguiça” e ficar longe de coisas que desviem a atenção. Mesmo com as grandes distrações e recompensas momentâneas, todos nós temos que definir fazer primeiro o mais IMPORTANTE. E assim, você estará cada vez mais perto do seu sucesso.

Você está conseguindo assumir o controle das regras dos seus sonhos para conquistar o que mais deseja?

Realize sempre primeiro o que é o mais importante.

O esquema é o seguinte:

Atitude > Tempo dedicado > Sucesso

Produtividade > Motivação > Evolução

Sua atitude será o mais eficaz. O tempo dedicado ao seu projeto é o seu diamante. Só depende de você para alcançar o sucesso. Ser mais produtivo a cada dia será a formula mágica para você. Em troca você ganhará um presente, que é a motivação. Você vai sentir a evolução em você mesmo.

Quando planejamos realizar algo grandioso que terá um maior tempo para se concluir precisamos de dedicação pois existem alguns desafios que você enfrentará no meio do caminho que fará você protelar para conseguir o que deseja e até desistir. Aqueles desvios que falamos no começo que vão aparecer justamente para testar sua dedicação e força de vontade. Se você se entregar a eles, você pensará que a vida de sucesso não é para você. Os erros acontecerão e você deve superá-los. Esses erros deixados para trás deixará o legado: o seu aprimoramento.

A excelência daquilo que você tanto deseja, origina-se de um hábito que você impõe.

Nós não nascemos para ser, nós nos fazemos. Então não espero algo cair do céu ou pense que por não estar dando certo é porque a vida de sucesso não é para você. Lembre-se que o artista é você e a obra é você mesmo. Só você poderá traçar o seu caminho.

“Você tem o direito de dizer não quando necessário e concentrar-se nas prioridades”.

Por onde começar? É simples! O que você decidiu no hábito 2? Agora defina qual a prioridade de mais valor.

Nos vemos no hábito 4 em breve!

Abraços,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.